Renato Gaúcho admite mau começo, mas fala em virada na Arena

Na primeira partida das oitavas de final da Libertadores, o Grêmio largou em desvantagem ao perder por 2 a 1 para o Estudiantes, na noite desta terça-feira (8). O técnico Renato Portaluppi se mostrou confiante na reversão no jogo de volta, no dia 28, na Arena.

“O importante é que o Grêmio saiu vivo daqui. Eu conheço muito bem o meu grupo. Na Arena, vai ser diferente. Vamos tentar reverter o placar e tenho certeza de que isso vai acontecer”, declarou o treinador.

Renato alertou que os jogadores tiveram uma atitude equivocada em campo e assim foram surpreendidos pela disposição dos argentinos. Mais uma vez, o comandante gremista lembrou que o time precisa ter malandragem, diz o Terra.

“Nossa equipe entrou no jogo do Estudiantes, que não é o nosso. Foi um jogo da catimba. Não adianta tentar competir em termos de malandragem. Não adianta tentar pedir cartão, gritar, fazer o jogo deles. Nosso time não entrou desligado, mas tentou fazer um jogo que não está acostumado. Isso eu procurei corrigir no intervalo e nossa equipe voltou como sempre para dominar a partida”, observou.

O elenco do Grêmio retorna aos treinos nesta quarta, às 15h30 (de Brasília), no CT Luiz Carvalho. No domingo, o Tricolor Gaúcho volta a campo e recebe o Vitória, às 19 horas (de Brasília), na Arena, pelo Brasileirão. Para o jogo diante dos baianos, mais uma vez os gaúchos vão usar uma equipe reserva.

08/08/2018